ÁREA DO CLIENTE

Consulte o andamento do seu processo

NOTÍCIAS

Newsletter

Endereço

Avenida Princesa Isabel , 15 , Conj. 1710/1712
Centro
CEP: 29010-361
Vitória / ES
+55 (27) 32223106+55 (27) 30267037

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,11 5,11
EURO 5,65 5,65

Previsão do tempo

Hoje - Belo Horizonte,...

Máx
27ºC
Min
18ºC
Poss. de Panc. de Ch

Domingo - Belo Horizon...

Máx
27ºC
Min
17ºC
Nublado com Pancadas

Segunda-feira - Belo H...

Máx
29ºC
Min
19ºC
Chuvas Isoladas

Hoje - São Paulo, SP

Máx
28ºC
Min
18ºC
Parcialmente Nublado

Domingo - São Paulo, ...

Máx
28ºC
Min
19ºC
Pancadas de Chuva

Segunda-feira - São P...

Máx
28ºC
Min
20ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Rio de Janeiro,...

Máx
31ºC
Min
19ºC
Parcialmente Nublado

Domingo - Rio de Janei...

Máx
31ºC
Min
20ºC
Nublado com Pancadas

Segunda-feira - Rio de...

Máx
30ºC
Min
20ºC
Nublado

Hoje - Guarapari, ES

Máx
29ºC
Min
21ºC
Parcialmente Nublado

Domingo - Guarapari, E...

Máx
29ºC
Min
21ºC
Parcialmente Nublado

Segunda-feira - Guarap...

Máx
29ºC
Min
22ºC
Chuvas Isoladas

Hoje - Vitória, ES

Máx
29ºC
Min
21ºC
Parcialmente Nublado

Domingo - Vitória, ES

Máx
29ºC
Min
21ºC
Parcialmente Nublado

Segunda-feira - Vitór...

Máx
29ºC
Min
22ºC
Chuvas Isoladas

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .

Presidente do STF nega seguimento a ação contra nomeação de presidente da Fundação Palmares

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, negou seguimento à Reclamação (RCL) 39254 contra a decisão do STJ que sustou os efeitos da liminar da Justiça Federal que havia impedido a condução de Sérgio Nascimento de Camargo ao cargo de presidente da Fundação Cultural Palmares (FCP). O advogado autor da Reclamação alegava que o STJ teria usurpado a competência do Supremo para julgar o pedido de suspensão, pois a temática, segundo ele, seria de índole constitucional. Por isso, pedia a restauração da decisão da primeira e da segunda instâncias favoráveis ao seu pedido em ação popular movida por ele. O presidente Dias Toffoli indicou na decisão não identificar violação direta à Constituição, pois a ação popular se refere especificamente à Lei 7.668/1988. Ele lembrou que a competência do STF para conhecer e julgar incidente de contracautela exige a demonstração de que a controvérsia instaurada na ação originária está fundada em matéria de natureza constitucional. "Não identificada a viabilidade de eventual recurso extraordinário contra a decisão que enseja o pedido de contracautela, não há que se falar em competência da Suprema Corte para o pedido de suspensão", concluiu. Leia a íntegra da decisão.
17/02/2020 (00:00)
Visitas no site:  903274
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia